18:52 - 12 de junho de 2024.

Cerimônia com lideranças religiosas marcou inaugur...

Cerimônia com lideranças religiosas marcou inauguração de Espaço Ecumênico do HUV

 em Vassouras

Uma cerimônia com a presença do presidente da Fundação Educacional Severino Sombra, administrador Gustavo Oliveira do Amaral, diretores do hospital e representantes do catolicismo, protestantismo e espiritismo kardecista marcou a inauguração, na noite da segunda-feira, dia 20, do Espaço Ecumênico do Hospital Universitário de Vassouras.

 

Idealizado pela diretora administrativa Milena Montella Medeiros Moraes, o espaço foi criado a partir de doações e ocupa uma sala próximo ao ambulatório. O espaço recebeu doações de Gustavo Amaral; de Milena Moraes; da diretora técnica Roberta Capute; da coordenadora de Ginecologia e Obstetrícia Kelly Paiva Guimarães Silveira; do coordenador de Psicologia Ronaldo de Souza Silveira; da coordenadora do Núcleo Interno de Regulação Laura de Souza Almeida; do coordenador de Ortopedia e Traumatologia Carlos Fernando Neves, além da Ledvance Brasil e da Du Noir Placas. “Esse espaço é um sonho realizado. Queremos dar mais conforto para quem vive aqui um momento de fragilidade”, afirmou Milena.

Representante católico, o padre José Antônio da Silva falou da importância da espiritualidade no enfrentamento às doenças e no momento do ser humano se deparar com a ideia de finitude. Aos profissionais de Saúde, José Antônio desejou que “cada um seja um instrumento nas mãos de Deus”. Paulo Guedes, apresentado como representante espírita, classificou a iniciativa como magnífica. “Todos os hospitais deveriam ter um espaço como esse”, afirmou.

 

Para o pastor Fabiano Corrêa, “a nobreza deste lugar nasceu do coração de Deus”. Funcionária do HUV há 35 anos, Ana Reis se emocionou. “O hospital vai respirar diferente a partir de hoje”. Superintendente de Saúde da Fusve, Marcelo Paiva lembrou que o espaço “pode parecer pequeno”, mas será muito importante para que funcionários e familiares de pacientes façam suas orações. Gustavo Amaral, que perdeu a mãe recentemente, lembrou que em um hospital se vivem momentos alegres e tristes. “Você se emociona com o nascimento de um filho e pode sofrer a morte de um ente querido”, comentou, antes de ler o Salmo 23. Gustavo anunciou, ainda, que o novo HUV, que deve ser inaugurado entre o final do ano e o início de 2025, também contará com um espaço ecumênico.

Imagens: Comunicação Fusve e Milena Montella

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também