23:14 - 28 de maio de 2024.

Governo municipal anuncia convênio com o DER para ...

Governo municipal anuncia convênio com o DER para asfaltar RJ 115 entre Tinguá e Ferreiros

 em Brasil

 O prefeito Severino Dias, acompanhado da vice, Rosi, recebeu na sexta-feira, dia 21, em seu gabinete, o secretário estadual das Cidades, Uruan Cintra. O encontro tinha como objetivo a assinatura do convênio entre o município e o Departamento de Estradas de Rodagem do Rio de Janeiro para o asfaltamento de doze quilômetros da RJ 115, estrada que liga Vassouras a Miguel Pereira, entre Tinguá e o distrito de São Sebastião dos Ferreiros.
Pelo convênio, o Estado fornecerá o material necessário para a obra, enquanto o município fica responsável pela aplicação e usinagem. “Mesmo se tratando de uma estrada estadual, o governo municipal também irá empregar recursos na obra pela importância que representa para a comunidade e para o município, um dos maiores produtores rurais do Estado”, afirmou Uruan Cintra.
Severino Dias reforçou a importância da obra para o município. “É uma pavimentação muito esperada por todos os vassourenses. É um sonho que agora, com essa parceria, será realizado. Quero agradecer ao governo do estado por estar tendo esse olhar atento para nossa cidade e para toda região”, afirmou. O convênio também contempla a realização do asfaltamento de algumas ruas do Centro da cidade.
Com o asfaltamento do trecho da RJ 115, a ideia é que, além do escoamento da produção agrícola, o potencial turístico de Ferreiros seja estimulado.
Reivindicação de décadas — O asfaltamento da estrada que liga Vassouras a Miguel Pereira via São Sebastião dos Ferreiros é uma antiga reivindicação de moradores dos dois municípios desde quando não havia uma única estrada pavimentada ligando as cidades. A RJ 121, que liga os municípios passando pelos distritos frontinenses de Sacra Família e Morro Azul, acabou sendo asfaltada nos anos 1990. Em dezembro de 2014 o governo de Luiz Fernando Pezão inaugurou o asfaltamento do centro de Vassouras até Tinguá. Anos antes, durante a gestão de Rosinha Garotinho, chegou-se a articular um acordo entre Vassouras e Miguel Pereira para que o asfaltamento fosse efetivado, com apoio do governo estadual. À época, nos bastidores ventilou-se que Miguel Pereira teria recuado, imaginando que o asfaltamento seria mais importante para Vassouras. Sete anos após a conclusão do trecho até Tinguá, é anunciado o asfaltamento até Ferreiros. O trecho entre o distrito vassourense e o centro de Miguel Pereira segue sem pavimentação.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também