11:55 - 12 de junho de 2024.

Vassourense está entre as famílias que perderam tu...

Vassourense está entre as famílias que perderam tudo no Rio Grande do Sul

 em Vassouras

Nascido em Demétrio Ribeiro, Henrique Eduardo se mudou para Porto Alegre, onde segue carreira como jóquei

 

Um morador de Vassouras está entre as famílias que perderam quase tudo por conta da tragédia climática que castigou mais de 400 municípios no Rio Grande do Sul. O Jóquei Henrique Eduardo Merenciano de Oliveira, de 31 anos, conhecido carinhosamente por Vassourinha mora há sete anos no bairro Cristal, em Porto Alegre, uma das localidades atingidas pelas enchentes. Ele e a esposa Juliana Matias tiveram sua casa tomada pelas águas do lago Guaíba, cuja cheia afetou mais de dois milhões de pessoas.

Nascido no bairro Demétrio Ribeiro, o jóquei, aos 15 anos, mudou para o Rio de Janeiro para seguir carreira no Jóquei Clube Brasileiro, na Gávea, e mais tarde, para Porto Alegre.

Para ajudar o vassourense, os pais do atleta realizaram uma rifa e já enviaram as doações arrecadadas. Claudete Gonçalves de Oliveira e Carlos Henrique Merenciano de Oliveira contam com a ajuda de vizinhos, familiares e amigos, inclusive moradores do bairro.

“Agradeço a ajuda e só Deus sabe o nosso sufoco aqui. Vim morar em Cristal por conta da oportunidade profissional e a qualidade de vida bem mais agradável”, comentou Henrique, que perdeu quase tudo que estava na casa.

O Vassourense relembra com tristeza como tudo começou: “A água veio forte, porque eu moro perto do Guaíba, e quando a gente percebeu a correnteza já estava arrastando tudo pela frente”, contou o rapaz, agradecendo pela vida e listando as perdas: sofá, balcão de pia, armários, máquina de lavar, mesa, cadeiras, geladeira, entre outros mobiliários que a família não conseguiu salvar a tempo.

O jóquei e a esposa seguem tentando retomar a vida, mas de olho no Guaíba, que segundo ele, tem uma “água muito ligeira e arrasta tudo pela frente com bastante força”.

 

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também